Como é a vida em Portugal?

Morar em Portugal é o sonho de muitos brasileiros. Mas antes de preparar as malas é muito importante conhecer o país, como o estilo de vida, custos, transporte, sistema de saúde e educação.

Acompanhe nosso artigo e saiba um pouco mais sobre como é a vida em Portugal:

Portugal é seguro?

De acordo com o Instituto de Economia e Paz, Portugal foi eleita em 2018 o quarto país mais seguro do mundo para viver.

E para quem mora no país é fácil de perceber essa sensação de segurança, dia e noite! Portanto, uma das vantagens da vida em Portugal, especialmente com filhos, é a segurança de andar tranquilamente pelas ruas.

Países mais seguros do mundo

Nazaré em Portugal
O país ficou entre os cinco mais seguros por registrar baixos índices de criminalidade, além de um número reduzido de demonstrações violentas e acesso a armas.

Aliás, o Governo Português realiza grandes investimentos e trabalha muito na educação de jovens e crianças para prevenir o aumento da criminalidade. Todos aqui confiam e respeitam a polícia e o sistema judicial é muito eficiente.

Cidades mais inseguras de Portugal

Cidades grandes como Lisboa e Porto, especialmente com o aumento considerável do número de turistas, registram maiores índices de crimes. Mas ainda sim elas são consideravelmente mais seguras do que outras cidades da Europa, e principalmente do Brasil.

Como é a vida em Portugal, existe qualidade de vida?

Um dos principais motivos para as pessoas decidirem se mudar para Portugal é a busca por uma melhor qualidade de vida em comparação ao Brasil. E quando falamos em qualidade de vida em Portugal nós nos referimos a diversos fatores importantes, como educação, saúde, segurança pública, condições de moradia e saneamento básico.

De acordo com o estudo Quality of Living, da consultoria Mercer, Lisboa, por exemplo, ocupa a 38º no ranking de qualidade de vida. A capital portuguesa ficou à frente de cidades como, Paris, Londres, Milão, Madrid e Nova York.

Veja também quais são as melhores opções para investir no país.

Baixo custo de vida e tranquilidade

Tranquilidade em Portugal
É claro que o país tem problemas, mas levando em consideração os fatores acima, além do baixo custo de vida e tranquilidade, certamente Portugal leva uma boa vantagem na visão dos brasileiros.

Outros países da Europa podem ser melhores? Provavelmente.

Mas nesse momento é hora de colocar tudo na ponta do lápis e avaliar.

Como é o custo de vida?

Uma das grandes preocupações de quem vai morar fora é em relação ao custo de vida. E custo de vida em Portugal é bem mais baixo do que no Brasil e considerado um dos mais baixos da Europa. É claro que se deve levar em conta o seu estilo de vida, mas num geral você consegue viver bem no país.

Para calcular o seu custo de vida em Portugal você precisa levar em conta os seguintes aspectos:

  • Moradia: o preço vai depender do local da residência, estilo da moradia, localização;
  • Contas mensais: eletricidade, água, gás, internet;
  • Alimentação: compras no supermercado;
  • Lazer: passeios, viagens, refeições em restaurantes, academia;
  • Transporte público;
  • Saúde: a saúde pública não é gratuita, mas os valores são baixos. Então os gastos vão depender do quanto você usa o sistema. Também é preciso considerar se você terá plano de saúde ou usará o sistema particular.

É claro que na hora de calcular o custo de vida também é preciso incluir alguns gastos extras como, farmácia, combustível caso você tenha carro e outros gastos que podem ser imprevisíveis.

Por isso é importante ter um planejamento básico das principais contas e sempre levar em consideração alguns desembolsos extras.

Saiba também como comprar imóvel em Portugal.

Como é o transporte público em Portugal?

Ao contrário do que ocorre no Brasil, os transportes públicos em Portugal são uma ótima forma de locomoção. Quem vai morar no país não precisa se preocupar, pois a grande maioria das cidades oferece inúmeras opções de transporte: metrô, trem (também conhecido como comboio), ônibus (autocarros) e bonde elétrico. E todos eles são interligados!

Ônibus

O serviço de ônibus é geralmente muito eficiente, especialmente nas grandes cidades. É claro que existem problemas com atrasos e algumas falhas, mas ainda é um sistema de transporte muito vantajoso. E funciona melhor do que em outras cidades da Europa, sem falar no Brasil.

Para se ter ideia, a passagem de ônibus em Porto custa €1,95, sendo que o passe mensal é de €47,70 e €35,80 para estudantes, terceira idade, pensionistas e menores de 13 anos. O preço da passagem em Lisboa é de €1,85.

Trem

Outra opção disponível em Portugal são os trens, ou mais conhecidos como comboios. Eles são o meio de transporte mais utilizado para quem precisa se locomover das regiões suburbanas até as capitais dos distritos.

Você pode utilizar os comboios urbanos para viagens curtas, o “Intercidades”, Regional ou o Alfa pendular, que são os trens rápidos e ligam várias cidades.

Neste último existe a opção de escolher entre a classe turística e a primeira classe, com banheiros, cafeteria, minibar, wi-fi gratuito e outras facilidades.

Tanto o Intercidades quanto o Alfa pendular custam mais caro.

Os comboios Regionais e Inter-regionais fazem a ligação para as cidades menores. A viagem é um pouco mais longa porque são feitas mais paradas, no entanto o bilhete é mais barato.

Metrô

Apesar de ser uma das melhores opções de transporte público no país, apenas as cidades de Lisboa e Porto possuem metrô.

O sistema é muito eficiente e de qualidade. O preço do metrô custa a partir de €1,20 e vai aumentando conforme à distância. O passe mensal começa à partir de €30,60.

Bonde elétrico

O bonde elétrico opera com cinco linhas, além de duas linhas turísticas usadas para desafogar os bondes tradicionais. Eles são uma das principais atrações turísticas de Lisboa, mas na verdade funcionam muito bem como meio de transporte para a população local.

Sistema de ensino

Certamente outra vantagem de morar em Portugal é com relação ao sistema de ensino. As escolas públicas são de excelente qualidade, com ótimos índices nas avaliações internacionais. Para se ter ideia, mesmo os professores do ensino básico precisam ter pelo menos Mestrado para dar aulas.

Além das escolas públicas, quem mora em Portugal também tem a opção de escolas particulares e escolas internacionais (artigo em inglês). Nas escolas particulares o número de alunos por classe é menor e as atividades extracurriculares são bastante valorizadas. Além disso, também contam com facilidades mais modernas.

As escolas internacionais geralmente tem uma melhor qualidade de ensino e oferecem diferentes tipos de currículo. O processo de admissão, no entanto, pode ser bastante rigoroso em algumas instituições.

Universidade

As Universidades em Portugal também são referência internacional, principalmente em algumas áreas de estudo. Tanto é que oito instituições portuguesas estão entre as melhores do mundo.

No entanto, é importante ficar atento porque apesar elas serem públicas, os estudantes internacionais precisam pagar taxas anuais, que variam dependendo do curso e do tipo de graduação. Por outro lado, os estudantes portugueses recebem subsídio do governo e os custos caem bastante.

A Universidade de Coimbra é uma das mais antigas universidades do mundo ainda em funcionamento.

Sistema público de saúde

Sistema de saúde em Portugal
A saúde pública também é muito eficiente e de qualidade. Apesar de o sistema ser público, a saúde não é totalmente gratuita. Adultos acima de 18 anos pagam uma taxa mínima para usar o sistema público, mas os valores são baixos.

Dependendo da consulta, por exemplo, você pode pagar uma média de €5 para uma consulta de rotina no posto de saúde ou até €20 em uma emergência hospitalar.

Sistema privado de saúde

Se você se sentir mais tranquilo pode contratar um plano de saúde privado, o seguro saúde. Em alguns casos específicos de doenças ou problemas mais graves que precisem de acompanhamento mensal talvez seja interessante contratar um seguro saúde.

Qual é o melhor?

Mas de forma geral, o sistema público funciona muito bem. É claro que existem problemas de demora em alguns atendimentos, especialmente para o tratamento de especialidades, mas num geral você consegue o que precisa. Caso você tenha condições financeiras, seria bom ter um seguro saúde.

Alguns planos oferecem preços atrativos e, devido as suas facilidades, acaba valendo bastante a pena.

Brasileiros e o PB4

Se você mora em Portugal, mas não tem cidadania europeia, ainda pode utilizar o sistema público de saúde através do PB4. Por meio do acordo entre Brasil e Portugal, cidadãos brasileiros têm direito a atendimento público e pagam o mesmo valor dos portugueses.

Para isso você precisa solicitar o documento no ministério da saúde regional no Brasil. Ele é válido por um ano.

Quem vive em Portugal tem uma boa vida?

Certamente quem escolhe morar em Portugal terá garantia de uma boa vida, principalmente quando se busca segurança e qualidade de vida em Portugal.

É claro que nem tudo são flores e o país também tem seus problemas, mas para quem vem viver com a família, Portugal é muito bom.

Aqui você vai encontrar inúmeras opções de atividades de esporte e lazer, lugares belíssimos para visitar, praias entre as melhores do mundo e muita comida boa. Com certeza quem mora em Portugal não se arrepende.

Se você quer morar em Portugal, saiba qual o melhor visto para você e sua família morar em Portugal.